Homicídios de jovens em Salvador e as novas tessituras das cidades

Márcia Esteves de Calazans

Resumo


O presente artigo se propõe analisar as taxas de homicídios em Salvador no período de 2010-2011, partindo dos indicadores apresentados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia, considerando as áreas integradas de segurança pública. E, como as transformações das cidades para o século XXI e a nova política de segurança pública através do PRONASCI e PLANESP estão imbricadas. E como a dimensão territorial articula estas relações materializadas nas áreas integradas de segurança pública. Nesse sentido as atividades de representações apontam que os espaços adquirem não apenas qualidades materiais, mas adquirem também valor simbólico. Portanto materialidade, representação e imaginação não são mundos separados. Há um complexo intercâmbio entre a transformação material e o simbolismo cultural, entre a e estruturação de lugares e a construção de identidades.

This article analyze the homicide rates in Salvador in the 2010-2011, based on the indicators presented by the Secretariat of Public Security of the State of Bahia, considering the integrated public safety areas. And as the transformations of cities to twenty-first century and the new politics of public safety through the PRONASCI and PLANESP are embedded. And as the territorial dimension articulates these relations materialized in integrated public safety areas. In this sense the activities of representations show that the spaces acquire qualities not only materials, but also acquire symbolic value. Therefore materiality, representation and imagination are not worlds apart. There is a complex exchange between the material transformation and cultural symbolism, between the restructuring of seats and the construction of identities.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Diálogos Possíveis. ISSN impresso 1677-7603
ISSN eletrônico 2447-9047